Portal do Uíge e da Cultura Kongo

Portal do Uíge e da Cultura Kongo

Página de informação geral da Província do Uíge e da Cultura Kongo


Notificado novo caso de poliomielite no Uíge.

Publicado por Muana Damba activado 7 Noviembre 2011, 16:08pm

Etiquetas: #Notícias do Uíge

 

0606 19

Luanda - Mais um novo caso de poliomielite (paralisia infantil) foi notificado há dias na província do Uíge, norte de Angola, em um rapaz de 14 anos de idade, soube hoje, domingo, a Angop.

 

 

De acordo com fonte sanitária, o rapaz, residente na província do Uíge, no Kuango, comuna do município de Quimbele, uma região isolada perto do rio Kuango, não tinha recebido qualquer vacinação contra a pólio.

 

 

Este é o primeiro caso de poliomielite confirmado desde 27 de Março deste ano.

 

 

Praticamente encostado ao longo da fronteira com a República Democrática do Congo, Kuango fica a montante do distrito de Popokobaka na RDCongo, que teve este ano confirmados nove casos do tipo-1 do pólio vírus.

 

 

Entretanto, angolanos e funcionários da Organização Mundial de Saúde esperam ser capazes de confirmar se este caso é da mesma estirpe genética.

 

 

O Ministério da Saúde de Angola com o apoio da UNICEF e da Organização Mundial de Saúde realizou este ano, sete campanhas nacionais de vacinação contra a pólio.

 

 

 Angola tem cinco casos confirmados este ano, comparado com 33 em 2010.

 

 

Nos reservatórios anteriores do vírus, particularmente o corredor Benguela-Luanda, não houve um único caso este ano, até agora, todos os casos em 2011 foram limitados a um único município da província do Kuando Kubango.

 

 

"Isso mostra que a vigilância está funcionando", disse o Representante em Angola da OMS, Rui Vaz. "O caso foi descoberto no local e as amostras foram entregues em mão, depois de uma caminhada de três dias pela mata. O sistema de vigilância está claramente presente no local para acompanhar os casos, mesmo nas áreas mais difíceis de alcançar."

 

 

Angola lançou a sua primeira campanha de vacinação nessa região fronteiriça na sexta-feira, com foco nas seis províncias da fronteira norte. Uma segunda campanha acontecerá em Novembro.

 

 

Até agora, mais de cinco milhões de crianças foram vacinadas em Angola. Estes esforços serão complementados com uma maior vigilância epidemiológica e vacinação obrigatória nos postos de fronteira com a RDCongo.

 

 
 "Chegamos a última milha e estamos muito perto de interromper a transmissão em Angola", disse o Representante da UNICEF em Angola, Koenraad Vanormelingen. "Enquanto houver um único caso do vírus selvagem da póliomielite em qualquer parte do mundo, qualquer criança não imunizada representa um risco."
                                                                                                          Angop


Archivos

Ultimos Posts